a tabela dos verbos futoro presente preterito prefeito preterito inperfeito preterito mais que prefeito

iam 27 haer old
Categoria: Língua Portuguesa 8 years ago
shakira
Perguntado 8 years ago
shakira

Curta no Facebook, +1 no Google, poste no Twiter ou compartilhe esta questão em outra rede social.

Hi Shakira this is the explanation, see the links "below" for more language tools.

Quando as formas do verbo exprimem a actualidade do que se afirma, o tempo é o presente, isto é, o que passa:



Eu leio.



Tu estudas.



Ele come.



Quando exprimem que já está completamente realizado o que se afirma, o tempo é perfeito ou pretérito, isto é, passado:



Eu estudei.



Ele comprou um livro.



Ela passeou.



Quando as formas do verbo exprimem factos que hão-de realizar-se no tempo que há-de vir, o tempo é futuro.



O presente, o perfeito e o futuro têm o nome de tempos principais ou primários.



Quando o verbo exprime um tempo em que a acção não estava terminada ou acabada num momento dado, o tempo chama-se imperfeito:



Eu acabava o meu trabalho quando tu passaste.



Quando o verbo exprime um tempo em que a acção já está acabada no momento em que se deu um facto, também já passado quando se fala, esse tempo chama-se mais-que-perfeito:



Eu já lera (ou tinha lido) o livro, quando bateste à porta.



Quando o verbo exprime o tempo em que uma acção não se realizou, mas se realizaria se uma certa condição se tivesse dado, esse tempo chama-se condicional:



Eu sairia, se não chovesse.



Tu virias, se eu te chamasse.



Além dos tempos principais ou primários, há mais outros três tempos chamados secundários ou históricos, e que são, como se viu, o imperfeito, o mais-que-perfeito e o condicional.



Para complementar esta explicação veja também os links.
David Azevedo
Respondido 8 years ago
David Azevedo