Como já expliquei no artigo Como Criar um Curso a Distancia, a necessidade que tive de começar a criar lições em vídeo surgiu da minha curiosidade e experimentação nas NTIC.

A minha experiência estava circunscrita aos diapositivos e apresentações "Power Point", até que descobri a gravação da tela do monitor "Screencast". 

Aqui estão algumas das aprendizagens que efectuei e que agora partilho consigo:

cover image

David Azevedo

Licenciado em Educação e dedicado ao ensino a distância desde 2007.

 

Mantenha as suas lições curtas. Faça um vídeo para cada competência de cada vez, se a competência for complexa divida-a em tarefas mais pequenas e grave um vídeo para cada tarefa. Cada vídeo deve ter entre 5 a 8 minutos , mais do que isso e os alunos perdem interesse e distraem-se. Este número de minutos não foi inventado por mim, cheguei a esta conclusão analisando as estatísticas de um conjunto de vídeos, a maioria dos alunos fecham os vídeos entre os 3 minutos e os 5 minutos, é muito difícil que os alunos mantenham a atenção por mais de 8 minutos de cada vez.  

Fale de uma forma normal mas correcta. Imagine que está a falar para um amigo ou diante de uma turma. Fale num tom calmo e tente transmitir segurança e confiança no que está a dizer.

No momento em que espirra, tosse ou se engana, não se preocupe e não interrompa a gravação. Recomece do início dessa frase que foi cortada, lembre-se que vai editar a gravação no final. Às vezes os erros só se encontram quando achamos que o vídeo está pronto, nesse caso podemos regravar um trecho da lição e editar o projecto novamente.

Use materiais diversificados nas suas gravações — PowerPoint, imagens, gráficos, bloco de notas, citações de livros, documentos ou trechos de outros vídeos.

Faça uma lição clara e simples. No momento da gravação esteja num local calmo com o mínimo de barulhos externos, que não queremos que fiquem registados na gravação. Caso utilize um bom editor de vídeo como o Camtasia alguns destes barulhos podem ser diminuídos, como o teclar do rato, a mota que passa na rua, a sirene da polícia, etc. 

Utilize cores neutras, tamanhos de letras acima de 16 pt, pense nas pessoas que têm necessidades educativas especiais, se possível introduza uma legenda para o vídeo, o Youtube já permite esta função.

Organize os seus vídeos numa videoteca, a Escola.org permite aos instrutores organizarem os seus vídeos e guardá-los para que os possam utilizar , por exemplo, em mais do que um curso.

Responda aos comentários dos seus alunos, vai receber muitos comentários positivos. Vai sentir-se motivado e acreditar que está a ter um impacto positivo no mundo.

Recomendo os seguintes programas para gravar http://screencast-o-matic.com/home é gratuito e bom. O https://www.techsmith.com/camtasia.html é bom para gravar e para editar os vídeos, não é gratuito mas tem um desconto para usos educacionais.

 

Aprende mais sobre tudo !

Acredito que as NTIC mudaram o ensino-aprendizagem.

 

Eu vou partilhar consigo a minha experiência pessoal neste assunto. O que é que me qualifica para lhe explicar mais sobre como criar um curso online?

Há vários anos comecei as primeiras experiências com as TIC (Tecnologias da Informação e Comunicação). Trabalhei com diapositivos, mas sobretudo com as conhecidas apresentações em "Power Point", estava nos meus anos de aprendizagem para Professor.

cover image

David Azevedo

Licenciado em Educação e dedicado ao ensino a distância desde 2007.

Para mim, as NTIC (Novas TIC) tinham dois sectores que não tinha explorado, o blogue e o vídeo. No ano seguinte a terminar a minha formação profissional, dei os meus primeiros passos criando um blogue. Aprendi que quando começamos algo novo somos como bebés. A curva de aprendizagem era lenta, mas pedi a ajuda de um amigo, informático de profissão, que me começou a instruir no mundo da web 2.0.

Em algum tempo, não muito, consegui 1000 subscritores e esse número não parou de crescer desde esse momento. Em 2010 lancei-me noutra jornada de aprendizagem auto-didacta, agora no suporte de vídeo, lancei um canal de Youtube e com a ajuda de outros Youtubers percebi quais as melhores ferramentas e práticas.

Estou envolvido na Escola.org com o intuito de produzir cursos online e agora ajudá-lo a si.

Vou enumerar algumas vantagens sobre a criação de um curso online.

1 ª Vantagem: Rentabilizar

Sabia que os cursos podem ser rentabilizados mais rapidamente do que blogues?

2 ª Vantagem: Todos temos algo a ensinar.

Esse conhecimento pode ser transformado em um curso, compartilhado e rentabilizado, se assim o desejar.

3 ª Vantagem: Persistência

Eles são um recurso reutilizável. Uma vez criado, você pode adaptar, reformatar e revender o seu curso durante o tempo que você queira.

4.ª Vantagem: Auto-ajuda

O processo de ensino-aprendizagem determina que você vai construir a sua experiência e os melhores professores são aqueles aprendem quando ensinam.

5 ª Vantagem: Eficiência

Você pode ajudar uma quantidade maciça de pessoas de uma só vez.

Passos para criar um curso online

PASSO 1: Ideia para o Curso.

Eu falei com pessoas que não têm absolutamente nenhuma ideia do que ensinar, mas querem fazer um curso, e com outras, que pensam que a sua ideia é "a próxima grande coisa". Considere isto: no que é que você é bom? Tem alguma habilidade ou qualificação especial? Quais são os seus interesses?

PASSO 2: Defina as suas metas de rendimentos.

Gratuito? Para uma audiência jovem.

Acessível? Para uma audiência jovem com um objectivo de aprender uma competência importante.

Mais caro? Para uma audiência madura, com um objectivo de aprender uma competência ou melhorar numa habilidade anterior.

PASSO 3: Criar e gravar o seu conteúdo do curso.

Esta etapa pode parecer a mais dificil, e é mesmo! Mas tudo do que necessita é de um computador e um microfone. Software para gravar vídeos existem já em abundância. Recomendamos o Camtasia, o PowToon, mas fale connosco por email, ou ligue-nos directamente que nós damos aconselhamento pessoal neste caminho. Na Escola.org você pode enviar textos, powerpoints, apresentações em pdf, vídeos e entrevistas em áudio. 

PASSO 4: Encontre um portal de cursos adequado.

Se é falante de língua portuguesa, pretende usufruir de todas as funções mais avançadas da EaD ( Educação a Distância ) a Escola.org é uma escolha acertada. Não cobra pela criação de conteúdos, permite um número ilimitado de cursos gratuitos ou rentabilizáveis.

PASSO 5: Crie um mini-curso e divulgue-o, por exemplo, no OLX.

É muito simples. Se o seu curso é composto de 10 aulas, crie dois cursos, um como uma experiência rápida, gratuito ou a um preço reduzido e um outro onde tudo é mais aprofundado e com mais oferta de conteúdo. Com isto vai ganhar mais subscritores nos seus cursos e ganha em reconhecimento.

PASSO 6: Faça uma pré-venda do curso e certifique os seus alunos.

A Escola.org permite sequencializar a publicação de seções (módulos) e lições (conteúdo aúdio-visual, testes, exames), com datas definidas por si. Pode também emitir certificados automáticos após os alunos passarem os critérios que definiu.

PASSO 7: Promova a sua actividade

O seu curso tem valor! O seu conhecimento e arte estão acessíveis a todos, divulgue-o ! A Escola.org também fará a divulgação do seu curso, quer seja gratuito ou rentabilizado.

Aprende mais sobre tudo !

Acredito que as NTIC mudaram o ensino-aprendizagem.

 

Este website utiliza cookies para ajudar a melhorar a sua experiência de utilização. Ao continuar a navegar no nosso website está a consentir a sua utilização.